quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Amor incondicional..


Quando amamos nos doamos ao próximo,fazemos coisas que ninguém imaginaria que um dia fariamos,vivemos pra cuidar ,pra proteger.Muitas vezes queria poder ser uma super Heroina e ajudar a todos os que amo e os que não amo,pois Deus disse "Ame ao próximo como a ti mesmo". E é isso que tento fazer.Amo incondicionalmante a todos , como o cazuza dizia "não sei o quanto isso é bom nos dias atuais." pois as pessoas não dao mais o devido valor as outras ,usam como objeto ,sem pesar na dor que vão deixar ,mas como podem se dizer amar e só sabem brincar com os sentintos, como se as pessoas não fossem nada,acabem deixando marcas que parece que nunca mais vai sair.E é assim ,mesmo nesse mundo onde muitos não amam ,eu continuo acreditando que vale apena se doar,que vale apena acreditar.Pois como saber se dará certo sem ao menos tentar,sem ao menos arriscar. Tenho um amor incondicional aos meus amigos e familia,os valoriso como se mas nada existisse ,mesmo errando eu vou perdoar,mesmo me machucando eu vou perdoar.Pois eu amo ,e quando se ama se dá uma nova chance . Não sei de nada,não sei da vida ,não tenho dons e muito menos riquezas a única e infinita coisa que tenho é o amor ,mesmo não me alimentando,mesmo não dando pra viver sem o resto,fico feliz em saber que algo tenho ,que o amor é o que sobra aqui !

Um comentário:

Afonso disse...

Veramente isso é um dom que poucas pessoas possuem AMAR sem limites, sem distinção apesar dos pesares, dos erros e faltas dessas pessoas, pois perdoar é também amar. Nem sempre perdoar é fácil, pois o grande diferencial é o perdão de coração sem magoas ou rancor. Se doar aos outros um dos dons do espírito que somente o ser humano consegue, algo divino em nós(mais uma prova da existência de Deus rsrsrs), mas também algo que muitos usam com o objetivo bem malicioso e cruel, no qual se usa nosso amor para benefício próprio isso sim é covardia.
Contudo, se doar para os outros SIM, mas saber até quando aquilo ultrapassa seus limites ou conceitos e pensar mesmo que se isso vai lhe fazer bem. Perdoar sempre, pois todos merecem mais uma chance, mas sempre saber que aquele pessoa pode lhe magoar de novo e se está pronto para correr esse risco. Como diz Camões: “Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer;

É um não querer mais que bem querer;
É solitário andar por entre a gente;
É nunca contentar-se de contente;
É cuidar que se ganha em se perder;

É querer estar preso por vontade;
É servir a quem vence, o vencedor;
É ter com quem nos mata lealdade.”

Bjão Boa Noite!